Proposta Educativa
A Proposta Educativa Salvatoriana propõe um processo de educação reflexivo e comprometido, tendo como principal aspecto a transmissão de valores e o desenvolvimento do potencial intelectual e afetivo da pessoa.
Pretende sua viabilização inserida no tempo de desafios e contradições, que caracteriza o  novo milênio.
A proposta de educação tem como essência a formação Humana e Acadêmica. Uma educação humanizadora e cristã em que se destaca o valor do ser humano como pessoa autônoma, individual, consciente e responsável, que se concretiza numa convivência solidária e transformadora da realidade.
As atividades de aprendizagem possibilitam vivências da liberdade de pensar, de refletir, de buscar soluções, de trabalhar a compreensão e a problematização da realidade.
O aprendizado ocorre através da mediação de significados, numa relação interativa entre os envolvidos no ato de aprender e ensinar, num processo contínuo de formação, no qual o sujeito vai se construindo como pessoa, no desenvolvimento de suas habilidades de pensamento, na apropriação do conhecimento acumulado e no relacionamento com os demais. Para isso, o espaço escolar é o lugar em que os sujeitos podem dialogar, duvidar, discutir, questionar e compartilhar saberes. É espaço para o convívio com as diferenças, erros, acertos, contradições, colaboração mútua, sensibilidade e criatividade.
O Educador compartilha mediação do conhecimento, propiciando ao educando condições de acesso a elementos novos e interagindo com ele, numa relação de diálogo. A definição dos componentes curriculares se faz através do Planejamento anual de atividades em que se relacionam os conteúdos escolares e os projetos, atribuindo-lhes tempos, abrangências e intensidade, resultando na explicitação dos princípios, dos objetivos, da amplitude e da profundidade com que serão desenvolvidos cada um dos componentes curriculares ao longo do ano letivo.

Conhecendo a nossa ação pedagógica
A Instituição Salvatoriana é um centro de aprendizagem, de vida e de evangelização. Como Instituição de Ensino, inserida no contexto mundial, está atenta às grandes reflexões que se dão no campo educacional e implementa ações, visando ajudar os educandos a “aprender a conhecer, aprender a fazer, aprender a conviver, aprender a ser e aprender a crer".
Como Escola Católica, estamos preocupados com a formação humana e cristã, no permanente desafio de harmonizar fé, cultura, conhecimento e vida.
Somos uma Escola em Pastoral. A rotina escolar se evidencia através da vivência do carisma, espiritualidade e valores salvatorianos.
Concepção, Teoria e Metodologia
“Educar para a liberdade, para a participação, num contínuo processo de conscientização do valor do educando como um sujeito histórico.”
Esta concepção intenciona o rompimento das relações dominadoras que caracterizam a educação tradicional pautada no estímulo – resposta. Propõe, então, princípios educacionais que propiciam a formação de sujeitos ativos
e conscientes das relações sociais, buscando a construção de uma sociedade solidária, justa e participativa.
Esta concepção de educação compreende o Ser Humano como um todo. E, compreender a pessoa inteira é uma tarefa cognitiva e afetiva.
A teoria de aprendizagem aplicada é a Teoria da Modificabilidade Cognitiva Estrutural (TMCE) e a Metodologia da Experiência de Aprendizagem Mediada (EAM), de autoria do pedagogo e psicólogo Reuven Feuerstein.
A TMCE descreve a propensão única do organismo humano para modificar a estrutura do seu funcionamento cognitivo. Considera a inteligência como um processo dinâmico de auto regulação, capaz de dar respostas a intervenção dos estímulos ambientais. Valoriza a pessoa e seu potencial.
A metodologia da EAM parte da relação direta da experiência do educando confrontada com o saber sistematizado e com a intervenção direta e intencional do mediador no desenvolvimento de processos de aprendizagem e significação de conteúdos, a fim de interagir com a realidade social. Esta mediação é o processo de intervenção onde um Ser Humano, orientado por sua intenção e critérios de mediação, interfere no processo de apropriação, elaboração e resposta de um indivíduo às fontes internas e externas de estimulação. Esse processo objetiva tornar o indivíduo capaz de agir de forma autônoma em situações específicas, e isso o torna capaz de se adaptar às novas dimensões com as quais irá se defrontar.
Avaliação
A avaliação é um processo contínuo, sistemático e cumulativo que identifica, acompanha e analisa as ações educativas desenvolvidas  visando a autonomia do educando.
Processo Avaliativo
A avaliação é parte integrante do processo ensino aprendizagem. A recuperação de estudos é realizada no decorrer do ano letivo, atendendo o que prevê a legislação vigente.
O registro escolar da avaliação acontece a cada trimestre para as turmas do Ensino Fundamental e Médio.
Nas classes da Educação Infantil o registro é feito por semestre através de parecer descritivo.
Procedimentos Utilizados no Processo de Avaliação do Ensino Fundamental e Médio
- Aplicação de teste e provas trimestrais;
- Realização de simulados(Ensino Médio);
- Estudos dirigidos e tarefas de casa;
- Pesquisas individuais e grupais (organização, registro, envolvimento e desempenho de acordo com suas funções no grupo);
- Confecção de maquetes, cartazes e outros;
- Produções textuais;
- Arguições orais e escritas;
- Teatro;
- Relatório de observação das saídas de estudos;
- Participação nos eventos promovidos pela escola;
- Produções Midiáticas.
(48) 3244-0455 | Rua Afonso Pena, 1264 | Estreito | Florianópolis | SC | 88070-650
2012 - 2017
Todos os direitos reservados.